Agência de Notícias

PREFEITURA DE ITABAIANA ESTENDE HORÁRIO DO SESP PARA DESAFOGAR FLUXO DE PACIENTES DO HOSPITAL REGIONAL

07/06/2019 19:54 - atualizado em 07/06/2019 19:54

Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

PREFEITURA DE ITABAIANA ESTENDE HORÁRIO DO SESP PARA DESAFOGAR FLUXO DE PACIENTES DO HOSPITAL REGIONAL

Atendendo a uma solicitação da Secretaria de Estado da Saúde (SES), a Prefeitura de Itabaiana comprometeu-se, em reunião realizada no mês de maio, com a secretária de Saúde, Mara Rúbia, a estender o horário de atendimento de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) do Município. Por isso, desde segunda-feira, 3, a Clínica de Saúde da Família Vereador Vivaldo Menezes (antigo SESP) passou a funcionar das 7h até 19h.

De acordo com a SES, a medida tem como propósito desafogar o fluxo do Hospital Regional de Itabaiana, principalmente neste período de festejos juninos, onde há um aumento de infecções respiratórias e os hospitais registram um aumento no fluxo de pacientes de baixa complexidade. “Neste ano, temos um cenário preocupante das arboviroses, com o aumento dos casos de dengue, de modo que precisamos que os municípios ampliem a oferta dos serviços da Atenção Básica para deixar o hospital em condições de atender os pacientes de média e alta complexidade”, explicou o secretário de Estado da Saúde, Valberto de Oliveira.

Segundo Mara Rúbia, até a última semana, Itabaiana tinha sido a única do interior de Sergipe a ter condições de manter uma UBS aberta em horário estendido. “Estamos felizes de ter uma gestão capaz de manter uma unidade de saúde aberta por mais tempo. É uma satisfação saber que estamos somando trabalhos em prol do povo itabaianense”, diz Rúbia.

Ainda segundo Mara, a escolha do SESP foi devido à aproximação da unidade com o Hospital Regional. “Assim, fica mais fácil de encaminhar os pacientes que necessitam de maiores cuidados ao Hospital, como vice-versa”, explica. O SESP ficará em horário desdobrado até o dia 12 de julho, funcionando das 7h às 19h, com a presença da equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da família (Nasf), que inclui um médico.


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS