Agência de Notícias

SECRETÁRIOS VISITAM IGREJA VELHA PARA INÍCIO DE IMPLANTAÇÃO DE MELHORIAS NO ESPAÇO TURÍSTICO ITABAIANENSE

13/02/2020 22:19 - atualizado em 13/02/2020 22:19

Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

SECRETÁRIOS VISITAM IGREJA VELHA PARA INÍCIO DE IMPLANTAÇÃO DE MELHORIAS NO ESPAÇO TURÍSTICO ITABAIANENSE

Esta semana, em mais uma ação afirmativa, patrocinada pela Prefeitura de Itabaiana, através das secretarias de Cultura, Juventude, Esporte e Lazer e também de Indústria, do Comércio e do Turismo, foi realizada com a visitação oficial à Igreja Velha, localidade em que há mais de três séculos foi erguida a primeira igreja em Itabaiana e que hoje serve de local para visitação turística por conta de toda a sua importância histórica e religiosa para o município e para Sergipe.

“Nossa intenção para esse espaço sempre foi otimizar as visitações. Por isso que adquirimos três tarefas de terra no entorno da Igreja Velha, de forma a garantirmos aos visitantes maior acessibilidade e conforto nas suas visitas”, disse o prefeito Valmir de Francisquinho.

Para Gilmar Resende, secretário de Cultura, Juventude, Esporte e Lazer, o momento é mais do que oportuno para que as ações da prefeitura na localidade comecem a se tornar realidade. “O crescimento do turismo reforça a importância cultural, histórica e religiosa de locais como a Igreja Velha, em que o visitante acaba fazendo uma viagem no tempo ao visitar essas ruínas com séculos de história”, destaca Gilmar.

Já a secretária de Indústria, do Comércio e do Turismo, Sônia Maria, a atenção especial dada à Igreja Velha demonstra o foco que a prefeitura tem no reforço de ações voltadas para o turismo no município. “Nossa missão é garantir que os nossos visitantes tenham a melhor experiência possível quando estiverem por aqui. Porque isso gera a melhor das propagandas: a boca a boca. Como estamos fazendo na Igreja Velha, também estamos agindo em diversas localidades, como Porções da Ribeira, Carrilho, Serra e outros, de forma a unir as ações da prefeitura com as da iniciativa privada, garantindo um turismo sustentável e consciente, inclusive”, observa Sônia Maria.

A Igreja Velha, cuja data de construção remonta ao século XVII, terá da prefeitura um trabalho voltado para a construção de um acesso e de áreas no entorno, sendo que nenhuma delas interferirá no local em si, uma vez que a atração maior são mesmo as ruínas que, ao longo dos anos, têm despertado o interesse de historiadores, estudiosos e visitantes.

                                  


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS

Fale com o Ouvidor